Talvez uma História de Amor

A melhor maneira de não terminar uma história de amor é não começá-la. Assim pensa Virgílio, vivido por Mateus Solano nessa comédia romântica nacional. Um personagem metódico, que busca controlar sua vida de todas as maneiras, mesmo nos mínimos detalhes. Até que um recado deixado em sua secretária eletrônica por uma mulher o desconcerta: Clara está terminando com ele, não é mais possível continuar o relacionamento dos dois. E desliga. No entanto… quem é Clara? Virgílio não se lembra dela, nem de ter se relacionado com ninguém. Os amigos comentam, os colegas de trabalho perguntam, todos de alguma forma sabiam da relação dos dois, menos ele. A partir daí, Virgílio parte em busca de encontrar essa mulher misteriosa e talvez, o amor da sua vida.

Além de Mateus, o longa tem um time de peso no elenco, com: Thaila Ayala, Paulo Vilhena, Bianca Comparato, Totia Meirelles, Nathalia Dill, Juliana Didone, Gero Camilo, Marco Luque, Dani Calabresa e participação especial de Cynthia Nixon.

Talvez uma História de Amor, dirigido por Rodrigo Bernardoé produzido pela Chocolate Filmes e tem distribuição da Warner Bros. Pictures e estreia prevista para 14 de junho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *