Polêmico mesmo!

Nos EUA, centenas de clientes da Netflix anunciaram um boicote ao serviço de streaming e cancelaram a assinatura após a empresa divulgar o trailer da série ‘Dear White People‘, que é uma adaptação do filme de mesmo nome que foi a sensação do Festival de Sundance de 2014.

Após centenas CANCELAREM assinatura da Netflix, criador de série agradece! 

Assista ao trailer:

Baseada no aclamado filme independente, esta série satiriza a “América pós-racial” ao retratar a vida de estudantes negros em uma conceituada universidade predominantemente branca.

Dear White People‘ tem estreia mundial marcada para dia 28 de Abril.

Após centenas CANCELAREM assinatura da Netflix, criador de série agradece! 

Foram produzidos 10 episódios cada um com 30 minutos de duração.

Crítica VELOZES E FURIOSOS 8:

» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «

(Una)

 

Elenco:

Rooney Mara,
Ben Mendelsohn,
Indira Varma

Direção: Benedict Andrews

Gênero: Drama

Duração: 94 min.

Distribuidora: Mares Filmes

Orçamento: US$ — milhões

Estreia: 13 de Abril de 2017

Sinopse: 

Quinze anos após o término de um complicado relacionamento, Ray e Una reencontram-se quando ela chega sem avisar em seu escritório buscando respostar sobre o abuso que sofreu. Ray fez uma nova vida para ele, mas ambos terão que revisitar sua relação e escavar um inabalável amor danificado.

Curiosidades: 

» Estrelado por Rooney Mara (‘Carol’) e Riz Ahmed (‘Rogue One: Uma História Star Wars’).

» Baseado na peça “Blackbird“, escrita por David Harrower, ‘Una‘ conta a história de Ray (Ben Mendelsohn) e Una (Rooney Mara), um casal que já teve um complicado relacionamento quando ela tinha apenas 12 anos.
Trailer:

Cartazes: 

Fotos: 

Crítica VELOZES E FURIOSOS 8:

» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «

A campanha de ‘Phoenix Forgotten‘, o mais novo terror produzido por Ridley Scott, começou com tudo nos EUA.

Outdoors espalhados pelas grandes cidades americanas alegam que “eles”, sendo o governo, estão mentindo para todos nós em relação aos alienígenas.

Baseado em uma história real, o terror narra os acontecimentos na perspectiva de três jovens após a suposta “visita” de óvnis em Phoenix, Arizona, no verão de 1997.

Três adolescentes entraram no deserto para documentar os estranhos acontecimentos, e desapareceram. Vinte anos depois, imagens inéditas daquele dia, narrando as últimas horas de expedição, foram descobertas.

Confira o banner, um cartaz e o trailer:

Crítica VELOZES E FURIOSOS 8:

» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «

O ator Sterling K. Brown (da série “American Crime Story”) foi entrevistado pela EW recentemente e deu algumas declarações sugestivas sobre Predador”. Confira o que Brown disse logo abaixo:

“Tem um senso de humor muito perverso, o que eu amo, e há também uma camaradagem real entre os personagens principais, o que irá agradar ao público. Isso é basicamente tudo o que posso dizer”.

O novo filme será uma sequência do original de 1987, “O Predador”, o qual teve Arnold Schwarzenegger (“O Exterminador do Futuro“) como protagonista. O filme teve uma continuação lançada em 1990 com Danny Glover (“Máquina Mortífera“), e uma sequência fora da cronologia lançada em 2010, “Predadores”, protagonizado por Adrien Brody e Alice Braga.

Predador” será lançado em IMAX em 8 de fevereiro de 2018. O diretor Shane Black revelou que a produção será para maiores de 18 anos por conta da extrema violência.

Sylvester Stallone (“Os Mercenários 3”) afirmou que a Warner Bros. escondeu lucros que “O Demolidor” (de 1993) obteve. Por esse motivo o ator deu início em uma ação judicial no Tribunal Superior de Los Angeles contra o estúdio através de sua empresa de empréstimo Rogue Marble. A informação é do The Hollywood Reporter.

O ator deveria ter recebido 15% do faturamento do filme, segundo acordo, mas nenhum retorno sobre a participação nos lucros havia sido feito pelo estúdio. A disputa começou realmente em 2014, quando o advogado de Stallone solicitou esclarecimentos e o estúdio teria respondido, em janeiro de 2015, que o filme estava em déficit.

Diante da nova investida, a Warner Bros. se recusou a comentar o fato.

O filme em questão, que também contou com Wesley Snipes (“Blade”) e Sandra Bullock (“Gravidade”), fez cerca de US $58 milhões quando foi lançado nos cinemas, além do que faturou em vendas de vídeo.

Ao comprar briga com a Warner Bros., Stallone está lutando contra o mesmo estúdio que distribuiu “Creed: Nascido para Lutar”, filme que lhe rendeu uma indicação ao Oscar. Essa investida de de Stallone deixa o relacionamento do ator com a produtora bem abalado.