O longa “Homem-Formiga e a Vespa” ganhou, nesta semana, um novo comercial para TV, apresentando algumas cenas inéditas da produção. Assista abaixo (sem legendas):

Faltando menos de dois meses para a estreia no filme, novos vídeos e imagens vem sendo liberados, como imagens revelando detalhes do uniforme da Vespa original (que será vivida no filme pela atriz Michelle Pfeiffer, de “Assassinato no Expresso do Oriente“) e o trailer final do longa.

Na trama, que se passa antes dos eventos de “Vingadores: Guerra Infinita”, Scott Lang (Paul Rudd, de “Mudo“) precisará lidar com as consequências de suas escolhas como super-herói e como pai após os eventos de “Capitão América: Guerra Civil”. Enquanto luta para equilibrar a vida doméstica com as responsabilidades como Homem-Formiga, ele é confrontado por Hope van Dyne (Evangeline Lilly, de “Little Evil”) e Dr. Hank Pym (Michael Douglas, de “Conspiração Terrorista”) com uma nova missão urgente. Lang deverá mais uma vez vestir o uniforme e aprender a lutar ao lado da Vespa, enquanto a equipe trabalha em conjunto para descobrir segredos de seu passado.

O elenco também conta com as adições de Laurence Fishburne (“John Wick: Um Novo Dia Para Matar”), Walton Goggins (“Tomb Raider: A Origem”) e Randall Park (da série “Love”), assim como os retornos de Michael Peña (“12 Heróis”), o rapper T. I. (“Crimes na Madrugada”) e Judy Greer (“15h17 – Trem para Paris”). Peyton Reed (“Sim, Senhor”) retorna como diretor da sequência.

“Homem-Formiga e a Vespa” estreia no Brasil no dia 5 de julho.

Como já era esperado por muitos, o final de semana de estreia de “Deadpool 2” foi um verdadeiro sucesso, com o longa conseguindo tirar “Vingadores: Guerra Infinita” do topo das bilheterias, após o grande épico do Marvel Studios ter reinado absoluto por três semanas.

De acordo com os números divulgados pelo site Box Office Mojo, o novo filme do anti-herói mutante arrecadou US$ 125 milhões em sua estreia nos EUA. A arrecadação ficou um pouco abaixo das expectativas iniciais, que sugeriam que o longa poderia bater o recorde estabelecido por seu antecessor, que teve uma estreia de US$ 132,4 milhões em fevereiro de 2016, e é a maior abertura de todos os tempos para um filme com classificação indicativa para maiores, no dito mercado doméstico.

Internacionalmente, a produção somou US$ 176 milhões em 81 países, configurando-se como a melhor estreia internacional da história da Fox, ao bater outro título da linha mutante do estúdio, “X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido“, que arrecadou US$ 174 milhões em 2014. O feito se torna mais impressionante pelo fato do longa dos “X-men” ter tido um auxílio considerável do mercado chinês, no qual “Deadpool 2” ainda não estreou e sequer tem uma data de estreia definida, correndo, inclusive, o risco de ter o mesmo destino do primeiro filme e acabar não sendo lançado comercialmente nos cinemas do país. Ao todo, a continuação da saga do Mercenário Tagarela teve uma estreia mundial de US$ 301 milhões.

E se no histórico final de semana de estreia de “Vingadores: Guerra Infinita” o astro Ryan Reynolds (“Dupla Explosiva“) deu os parabéns aos envolvidos no projeto, agora foi a vez de uma das figuras mais importantes do Universo Cinematográfico da Marvel, o diretor James Gunn (“Guardiões da Galáxia Vol. 2“), parabenizar o sucesso de “Deadpool 2”, postando em seu Twitter uma bela imagem do Baby Groot pintado de Deadpool:

“Um enorme parabéns à @VancityReynolds, @DavidMLeitch, @RhettReese, @missmorenab e companhia pela abertura de ‘Deadpool 2’, que parece que vai ultrapassar US$ 130 milhões nesse fim de semana. Continuem nos trazendo coisas divertidas!”

Além do retorno de Reynolds na pele do protagonista, e da estreia dos personagens de Josh Brolin (“Vingadores: Guerra Infinita”) e Zazie Beetz (da série “Atlanta”), que interpretam Cable e Dominó, respectivamente, “Deadpool 2” ainda conta com os retornos de Andre Tricoteux (“Warcraft”), Brianna Hildebrand (“Deadpool”), T.J. Miller (da série “Silicon Valley”) e Morena Baccarin (da série “Gotham”). O elenco ainda conta com as adições de Shioli Kutsuna (“The Outsider”), Terry Crews (“Onde Está o Dinheiro”), Bill Skarsgård (“It: A Coisa”) e Julian Dennison (“A Incrível Aventura de Rick Baker”).

Dirigido por David Leitch (“Atômica”), o filme já está em cartaz nos cinemas. Você pode ver nossa crítica aqui.

Atenção: a matéria contém spoilers de “Deadpool 2”!

Apesar de seu inquestionável sucesso perante o público, “Deadpool 2” também tem sua quota de decisões polêmicas, fato que já está dividindo opiniões e fazendo muitos fãs, inclusive, questionarem a validade das cenas pós-créditos do longa.

A morte de Vanessa (Morena Baccarin, da série “Gotham“), interesse amoroso do anti-herói mutante, logo no início do filme, acabou sendo um grande choque, já que o romance do casal é visto por muitos como o coração do primeiro filme. Entretanto, é justamente essa escolha ousada que acaba sendo responsável por impulsionar não apenas a trama do longa, mas o próprio desenvolvimento do Mercenário Tagarela como pessoa ao longo de toda a continuação. E foi justamente por esse motivo que surgiu a dúvida acerca da canonicidade das cenas pós-créditos da produção, em que Deadpool usa o dispositivo de viagem temporal de Cable para voltar ao passado e impedir a morte de sua amada, alterando os rumos da história do filme.

Agora, conforme apurado pelo site Heroic Hollywood, os roteiristas Rhett Reese e Paul Wernick (responsáveis por “Deadpool“), que escreveram a história do filme ao lado do astro Ryan Reynolds (Dupla Explosiva”), responderam as perguntas de alguns usuários do Reddit, confirmando que as cenas-pós créditos integram o cânone dos filmes do personagem:

“Sim, as cenas pós-créditos são canônicas. Mas não esperem que aquele dispositivo dure além deste filme!”

A polêmica envolvendo as cenas pós-créditos de “Deadpool 2” já foi discutida em um dos vídeos do canal Cinema com Rapadura. Assista abaixo:

Além dos retornos de Reynolds e de Baccarin, bem como da estreia dos personagens de Josh Brolin (“Vingadores: Guerra Infinita”) e Zazie Beetz (da série “Atlanta”), que interpretam Cable e Dominó, respectivamente, “Deadpool 2” ainda conta com os retornos de Andre Tricoteux (“Warcraft”), Brianna Hildebrand (“Deadpool”) e T.J. Miller (da série “Silicon Valley”). O elenco ainda conta com as adições de Shioli Kutsuna (“The Outsider”), Terry Crews (“Onde Está o Dinheiro”), Bill Skarsgård (“It: A Coisa”) e Julian Dennison (“A Incrível Aventura de Rick Baker”).

Dirigido por David Leitch (“Atômica”), o filme já está em cartaz nos cinemas. Você pode ver nossa crítica aqui.

Mowgli“, a nova adaptação da história idealizada por Rudyard Kipling e dirigida por Andy Serkis (“Star Wars: Os Últimos Jedi“) ganhou seu primeiro teaser. Veja abaixo enquanto aguarda o trailer completo, que deve ser divulgado ainda hoje.

A obra conta com nomes de peso no elenco como Cate Blanchett (“Thor: Ragnarok”), Benedict Cumberbatch (“Vingadores: Guerra Infinita”), Christian Bale (“A Promessa”), além do próprio Serkis. Segundo o diretor, a adaptação será bem mais sombria do que o live-action de 2016 da Disney, dirigido por Jon Favreau (“Homem de Ferro 2”).

O filme, produzido através de captura de movimentos, seguirá a história da educação do menino Mogli (Rohan Chand, de “Jumanji: Bem-Vindo a Selva”), criado por um grupo de lobos na Índia. Enquanto aprende as regras da selva, sob os ensinamentos do gorila Baloo (Serkis) e da pantera Bagheera (Bale), Mogli começa a ser aceito pelos animais na floresta, exceto pelo tigre Shere Khan (Cumberbatch). Mas há ainda outros perigos na mata, enquanto o protagonista encara seu passado e suas origens humanas.

O longa tem estreia prevista para 18 de outubro.

Depois de apresentar Michael Keaton (“Birdman”) como o Abutre em “Homem-Aranha: De Volta ao Lar”, a sequência da produção Sony-Marvel não vai deixar por menos, com Jake Gyllenhaal (“O Que Te Faz Mais Forte”) cotado para interpretar um novo vilão. De acordo com a Variety, não há confirmação do papel do ator, já o THR afirma que Gyllenhaal será Mystério.

Se as negociações forem concluídas, este será o primeiro papel do ator em um filme de super-herói. Informações prévias indicavam que Gyllenhaal seria o novo Batman em um possível reboot do personagem no Universo Estendido da DC, algo que foi negado pelo ator um tempo depois.

Jake Gyllenhaal possui filmes de grande prestígio na carreira, como “O Segredo de Brokeback Mountain”, pelo qual foi indicado ao Oscar de Melhor Ator Coadjuvante, e filmes como “Os Prisoneiros” e “Animais Noturnos”.

Nas HQs, Mystério é Quentin Beck, um dublê e expert em efeitos especial que usa suas habilidades para criar ilusões, dando a impressão de que possui super poderes, com o objetivo de cometer crimes.

A sequência de “Homem-Aranha: De Volta ao Lar” terá o retorno do ator Tom Holland (“Vingadores: Guerra Infinita”) como Peter Parker, Marisa Tomei e Zendaya. O diretor Jon Watts (“A Viatura”) retorna para o cargo, . A dupla de roteiristas Chris McKenna e Erik Sommers (ambos de “Jumanji: Bem-Vindo à Selva”) também retorna.

O longa, que ainda não tem título definido, está agendado para estrear nos EUA em 05 de julho de 2019.