A revista Empire liberou três novas imagens de “Guardiões da Galáxia Vol. 2“. O destaque fica para a imagem que mostra os detalhes do visual de Ego, O Planeta Vivo, interpretado por Kurt Russel (“Os Oito Odiados“). Veja:

A revista também liberou um trecho de uma entrevista feita com Kurt Russel, em que o ator comenta o porquê de ter aceitado o papel do pai de Peter Quill.

“Quinze minutos depois de começar a assistir ao primeiro filme, eu disse: ‘Acho que vejo por que eles estão vindo atras de mim’. A bagagem que eu trago para alguns dos filmes que eu fiz é o tipo certo de bagagem para trazer para este. Eu nunca interpretei ninguém tão grande! E eu nunca interpretei um personagem com possibilidades tão amplas, devo dizer.”

“Guardiões da Galáxia Vol. 2” se passa 6 meses após o primeiro filme, onde os heróis embarcam em mais uma aventura intergalática, onde lutam para manter a família reunida enquanto descobrem mistérios sobre pai de Peter Quill.

Com direção de James Gunn, vemos no elenco Chris Pratt (“Sete Homens e Um Destino”) como Peter Quill, Zoe Saldana (“Star Trek: Sem Fronteiras”) como Gamora, Vin Diesel (“Velozes e Furiosos 7”) na voz de Groot, Bradley Cooper (“Pegando Fogo”) como Rocket e Michael Rooker (“The Walking Dead”) como Yondu.

O aguardado longa estreia nas telonas brasileiras dia 27 de abril de 2017.

A famosa série de TV animada dos anos 70, “Space Battleship Yamata”, conhecida no Brasil como “Patrulha Estelar”, pode ir para os cinemas em versão live-action e já teria encontrado roteirista e diretor, de acordo com o site Deadline.

O CEO da Skydance Media, David Ellison, teria dito, em entrevista no festival SXSW (South by Southwest), que contratou o roteirista Zach Dean (“A Fuga”) para escrever um rascunho de roteiro e que contaria com  Christopher McQuarrie (“Missão: Impossível – Nação Secreta”) para dirigir o longa.

Muito comparado a história japonesa na Segunda Guerra Mundial, a série animada “Patrulha Estelar” acompanha um futuro em que a atmosfera da Terra foi destruída por uma raça alienígena e os sobreviventes têm um ano de vida até a radiação alcançar o refúgio subterrâneo em que estão abrigados. Surge, então, uma faísca de esperança que vem do espaço.

Ainda não se tem maiores informações sobre o possível longa.

Segundo à Variety, a Universal Pictures acaba de assinar com Robert Downey Jr. (“Capitão América: Guerra Civil“) para estrelar uma nova versão de “Dr. Doolittle“, personagem que ficou famoso com a atuação de Eddie Murphy (“Um Tira da Pesada“) nos anos 90.

De acordo com a notícia, “The Voyage of Doctor Dolittle” será dirigido e escrito por Stephen Gaghan (“Ouro“). Assim como nos filmes estrelados por Eddie Murphy, a trama será centrada no Dr. John Dolittle, um médico que descobre ter um dom de conversar com animais.

O filme ainda não possui uma data de estreia.

Em entrevista concedida ao Comic Book Movie, o diretor James Gunn (“Guardiões da Galáxia”) comentou as participações dos atores Michael Rosenbaum (da série “Smallville”) e Sylvester Stallone (“Creed: Nascido para Lutar”) em “Guardiões da Galáxia Vol.2”. De acordo com o cineasta, Michael terá um papel que fará conexão com Stallone. Confira mais da conversa:

“Nós teremos um grande número de personagens que serão muito importantes dentro do Universo Marvel e que farão estreia em Guardiões da Galáxia Vol.2. Sylvester Stallone interpretará um desses personagens… meu amigo Michael Rosenbaum também terá um papel notável no filme”.

Detalhes sobre quais personagens os atores viriam a interpretar não foram divulgados pelo diretor.

“Guardiões da Galáxia Vol.2” se passa 6 meses após o primeiro filme, onde os heróis embarcam em mais uma aventura intergalática, onde lutam para manter a família reunida enquanto descobrem mistérios sobre pai de Peter Quill.

Com direção de James Gunn, vemos no elenco Chris Pratt (“Sete Homens e Um Destino”) como Peter Quill, Zoe Saldana (“Star Trek: Sem Fronteiras”) como Gamora, Vin Diesel (“Velozes e Furiosos 7”) na voz de Groot, Bradley Cooper (“Pegando Fogo”) como Rocket e Michael Rooker (“The Walking Dead”) como Yondu.

O aguardado longa estreia nas telonas brasileiras dia 27 de abril de 2017.

O presidente de produção da DisneySean Bailey, trouxe algumas atualizações sobre “Mulan” e “Aladdin“, próximas animações do estúdio a ganharem versões live-action. A entrevista foi dada ao site Vulture.

Bailey falou sobre o envolvimento do diretor Guy Ritchie (“O Agente da U.N.C.L.E.”) com “Aladdin”, assim como o que o seu estilo acrescentaria à história.

“Guy se interessou em fazer um filme da Disney e conversamos muito sobre isso. Quando conversamos sobre Aladdin, ele disse: ‘Minhas histórias são realmente sobre ladrões de rua. Isso é o que eu sei fazer. E Aladdin é um ladrão de rua clássico que faz o bem’. Guy tem sua própria versão dessa história em sua vida. Mas ele queria honrar e respeitar a Disney em tudo. […] A ideia de um altamente estimulante musical da Disney por Guy Ritchie me fez sentir como, oh, nós nunca fizemos isso antes”.

A seleção dos atores que protagonizarão o live-action já começou. As filmagens devem iniciar em julho de 2017 e vão até janeiro do ano seguinte, no Reino Unido.

O executivo comentou também sobre o tom de “Mulan”.

“Mulan é claramente uma história de empoderamento feminino, mas podemos fazer algo novo nesta reimaginação, fazê-la com um pouco mais de músculos, mais forte, com um toque de Ridley Scott”.

Vale ressaltar que fontes próximas aos produtores do filme confirmam que, diferente de outras produções como “A Bela e a Fera” e o próprio “Aladdin”, “Mulan” não será um musical. Este fato é considerado um ponto positivo para a aceitação do longa no mercado chinês, local onde se passa a trama.

O filme será dirigido pela neo-zelandesa Niki Caro (“Terra Fria”) e tem estreia prevista para 01 de novembro de 2018 no Brasil.