Nem só de fofura vive o mundo animal, né non? Apesar da nossa outra matéria que reforça a meiguice dos bichíneos, sabemos que existem alguns que mais parecem verdadeiros enviados pelo capiroto. Se esse é o tipo de filme que você curte, então, anote aí as nossas dicas:

10 Filmes Fofíneos com Animaizíneos para Encher seu Coração de Amor

Lampreias ao Ataque’ (2014 – lampreias)

Não sei nem por onde começar com essa pérola… É daqueles filmes tão ruins, mas tão ruins, que no final fica bom. Garantia de gargalhada do início ao fim. Na pacata cidade do interior à beira do lago, Michael, um especialista em lampreias (!), é chamado para observar o aumento no número desses animais na represa da cidade. Lampreia, para quem não sabe, é uma espécie de peixe que parece uma enguia, só que com dentinhos (na verdade são tipo espinhos, sei lá). As lampreias, do nada, começam a atacar a população, e elas se reproduzem tão rápido, que começam a – literalmente! – subir pelas paredes, virar carros e derrubar uma estação de energia. Imperdível! E eu nem falei que esse ícone do terror possui Christopher Lloyd no elenco – o Doc, de ‘De Volta Para o Futuro’. Passou no Animal Planet!

Cujo’ (1983 – cachorro)

Vocês estão acostumados com a versão fofínea do São Bernardo em ‘Beethoven’, mas o que acontece quando esse doguinho é mordido por um morcego, que lhe transmite a raiva? Pois é, o dog começa a atacar todo mundo na cidadezinha, fazendo de refém mãe e filha, que ficam presas dentro de um carro. Sabem quem escreveu essa história maravilhosa? Stephen King.

Pânico no Lago’ (1999 – crocodilo)

O corpo de um sujeito aparece violentamente  machucado, por isso o xerife de (isso mesmo) uma cidadezinha chama um especialista e uma paleontóloga para lidarem com a presença de um IMENSO crocodilo que está comendo a cidade. O elenco estelar conta com Bridget Fonda, Bill Pullman e Betty White, e ainda ganhou duas continuações.

Anaconda’ (1997 – cobra)

Uma equipe de norte-americanos viaja para o Amazonas para filmar uma tribo de índio que nem parece brasileira, e, no meio da aventura, descobrem que na verdade estão numa caça à serpente conhecida como anaconda – uma enorme cobra inteligente capaz de virar barcos de cabeça para baixo. O elenco inacreditável desse épico do terror inclui a improvável presença de Owen Wilson, Ice Cube e Jennifer Lopez, e ainda arrecadou nos cinemas três vezes o seu valor de investimento.

Aracnofobia’ ( 1990 – aranha)

Parece até história da Austrália, mas se passa na Califórnia, depois que um fotógrafo morre numa missão na Venezuela e uma aranha cheia de veneno aproveita o caixão do homem para ir dar um rolê nos EUA. Por uma coincidência inacreditável, na mesma cidadezinha da Califórnia o Dr. Ross – um sujeito com muito medo de aranha – se muda para lá naquela época, junto com sua família.

Joe e as Baratas’ (1996 – baratas)

Esse filme é uma comédia e, supostamente, as baratinhas são até gente boa na história, mas, francamente, filme com barata não dá, né? Para os tolerantes, fiquem sabendo que Joe (Jerry O’Connell) acaba de se mudar para Nova York e, lá, descobre que seu novo apartamento está infestado por milhares – eu disse MILHARES – de baratas, que, no final das contas sabem dançar, cantar e até ajudam Joe a conquistar uma garota. É o fim mesmo…

Medo Profundo’ (2017 – tubarão)

É claro que a gente podia sugerir o clássico ‘Tubarão’, do Steven Spielberg, mas esse vocês já viram, né? Então, para variar, vale conferir esse ‘Medo Profundo’, que conta a história de duas turistas norte-americanas bem inteligentes (#sqn) que conhecem dois carinhas durante as férias no México e que sugerem que elas façam um passeio suuuuuper maneiro: mergulhar no meio do oceano, presas dentro de uma jaula, para observar tubarões. Parece mesmo o tipo de coisa ideal para se fazer nas férias, né? Uma delas nem fica a fim de ir, porém a amiga (Mandy Moore) a convence, afinal, ela precisa provar ao ex nas redes sociais o quanto ela já o superou e está suuuuuper curtindo a vida. Típico.

Os Pássaros’ (1963 – pássaros)

Um clássico é um clássico, né mores? E esse do Alfred Hitchcock conta a história de Melanie Daniels (Tippi Hedren), uma bela socialite desocupada que conhece o misterioso Mitch Brenner (Rod Taylor) em uma pet shop e, após o primeiro encontro, ela decide procurá-lo em Bodega Bay, na Califórnia, onde o figurão costuma ir nos finais de semana. Porém, ao chegar na (cidadezinha!), Melanie se dá conta de que milhares de pássaros estão atacando as pessoas lá!

Ratos’ (2003 – ratos)

O Instituto Brookdale era conhecido por ser um hospital que tratava criminosos com transtornos mentais, porém, também abriga terríveis ratos assassinos, oriundos de experiências genéticas mal sucedidas encabeçadas pelo Dr. William Winslow (Ron Perlman, o ‘Hellboy’), chefe da psiquiatria. Vocês já conseguem ouvir os gritos, né?

Cemitério Maldito’ (1989 – todo tipo de animal)

Para encerrar a lista de animaizíneos terríveis, que tal um cemitério inteiro de bichanos insanos? Esse é o mote de ‘Cemitério Maldito’, mais uma história escrita pelo rei do terror, Stephen King. Após a morte de um gato, uma série de eventos bizarros passam a acontecer envolvendo a família Creed, e esses eventos podem ter uma relação macabra com um cemitério de animais que fica aos fundos da casa. A expectativa é alta para a nova versão que chega esse ano aos cinemas.

 


Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » http://goo.gl/mPcJ5c