– Sério? Vocês salvaram o mundo?
– Duas vezes!
– Então por que ainda continua uma bosta?

E a terceira temporada de DC’s Legends Of Tomorrow chegou ao fim. A adaptação de Greg Berlanti, Marc Guggenheim, Phil Klemmer e Andrew Kreisberg, já renovada para o quarto ano, acertou em algumas coisas e errou em outras. Mas vamos lá.

Há alguns (bastante) meses fiz um texto elogiando a segunda temporada das Lendas (leia aqui), que conseguiu abrir mão de tudo aquilo que a prejudicava, personagens, storylines, etc, e realizar um segundo ano de dar gosto. Nesta terceira fase, foi um misto de elementos enriquecedores e outros que acabam por prejudicar a evolução da história a outro patamar. O roteiro, que possui as melhores referências já vistas em séries da DCTV, parece estar numa montanha russa de altos e baixos.

O início da temporada mantém o ritmo ao qual o público está acostumado e traz novos personagens interessantes, e que adicionaram bastante ao time. O grande problema se encontra no retorno de Damien Darhk (Neal McDonough), pois parece, mais uma vez, estar contando a mesma história com outra roupagem. É como ver o conflito Lance (Caity Lotz) versus Darhk todo de novo. É uma repetição desnecessária dentro da produção, que somente descredita a série. Eu não sei vocês, mas estou saturada deste vilão.

Por outro lado, dois acréscimos são essenciais, sendo uma delas a protagonista do melhor episódio deste ano: Zari Tomaz (Tala Ashe). Ela é, sem dúvidas, uma das melhores coisas a acontecer em DC’s Legends Of Tomorrow. A personagem, que é uma hacker talentosa, possui química com todos os presentes e realiza as cenas mais divertidas. É, de fato, tudo aquilo que nem o público sabia que precisava. Sem contar todo o contexto criado para o histórico dela que só acrescenta camadas à mesma e à aproxima da realidade atual (mesmo que ela seja do futuro). Ashe faz um trabalho incrível interpretando a Ms. Tomaz (leia na voz da Gideon) e não dá para imaginar outra atriz no lugar.

Outra adição positiva é Ava Sharpe (Jes Macallan), que, em um excelente slow burn, constrói um relacionamento com a Capitã da Waverider e adquire a própria narrativa, tendo, inclusive, um capítulo para si. É importante salientar esta construção de relacionamentos amorosos dentro da série, pois não somente coloca alguém ali para ser par romântico, mas também dá-lhe uma história (cof cof pode aprender com eles Supergirl cof cof).

A saída de Jax (Franz Drameh) e Martin (Victor Garber) não deixa um vácuo na narrativa, pois logo o telespectador é preenchido pela presença do Wally West a.k.a. Kid Flash (Keiynan Lonsdale) e as participações especiais de John Constantine (Matt Ryan), que ganha residência fixa na próxima temporada. Ambos já construindo uma ligação com o elenco fixo e mostrando que a interação função. A saída mais sentida pode vir a ser a de Maisie Richardson-Sellers, que deu vida a Amaya Jiwe. É compreensível que a história da líder de Zambezi precisasse chegar a este ponto, mas isso não quer dizer que o público não sentirá falta.

Em termos de ritmo, construção de narrativa, direção e elementos técnicos que compõem uma produção audiovisual, a série acerta quando a história desfoca um pouco dos Darhk e trata mais a respeito das Lendas, quem eles eram e quem estão se tornando. E provoca tédio quando os episódios giram em torno do que já havia sido visto antes. Mantendo a onda de referências e participações especiais, é preciso citar duas importantes: Lovell Adams-Gray interpretando Barack Obama, e fazendo leves críticas ao contexto atual norte-americano. E claro, John Noble sendo John Noble e a voz do vilão Mallus.

Se DC’s Legends Of Tomorrow, finalmente, abrir mão dos Darhk, trouxer novos vilões e plots, mantiver as referências, o bom humor e a química dos personagens, ela tem tudo para voltar ao eixo de uma das melhores séries da DCTV atualmente. Agora resta aguardar!

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » https://goo.gl/mPcJ5c

Durante uma entrevista EXCLUSIVA ao CinePOP para promover ‘Missão Impossível – Efeito Fallout‘, o diretor Christopher McQuarrie revelou que toparia dirigir Homem de Aço 2‘… com UMA CONDIÇÃO.

Assista um trecho da entrevista, que será divulgada na íntegra em JULHO:

Em ‘Missão Impossível: Efeito Fallout‘, Ethan Hunt (Tom Cruise) e sua equipe do IMF (Alec Baldwin, Simon Pegg, Ving Rhames), na companhia de aliados conhecidos (Rebecca Ferguson, Michelle Monaghan), estão em uma corrida contra o tempo depois que uma missão dá errado.

O elenco conta com Tom Cruise, Rebecca Ferguson, Simon Pegg e Alec Baldwin, ao lado das novidades Henry Cavill, Vanessa Kirby e Frederick Schmidt. Ainda não há detalhes sobre a trama.

O filme tem estreia agendada para 26 de julho de 2018.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » https://goo.gl/mPcJ5c

‘Homem-Formiga e a Vespa’ ganhou um novo trailer, logo depois da estreia de ‘Vingadores: Guerra Infinita‘.

O vídeo brinca que “apenas uma pergunta” permanece após Guerra Infinita – onde estavam o Homem-Formiga (Paul Rudd) e a Vespa (Evangeline Lilly)? Vários membros do elenco refletem sobre essa questão, com Scarlett Johannson tirando sarro do Gavião Arqueiro, e Benedict Cumberbatch e Tom Hiddleston sugerindo que a dupla tinha acabado de encolher.

Assista:


O Reino Quântico que conhecemos em ‘Homem-Formiga’ deve ser parte crucial da trama da sequência,Homem-Formiga e Vespa, é o que sugerem rumores, além de afirmar que a dupla protagonista estará na caça de Janet van Dyne (Michelle Pfeiffer), a Vespa original, no Reino.

Uma fonte próxima à produção contou que atrama começa com Scott Lang em prisão domiciliar. Ainda se afastando dos eventos da Guerra Civil.

O elenco conta com Paul RuddEvangeline Lilly, Lawrence Fishburne como o Dr. Bill Foster, Golias; Walton Goggins como Sonnyburch, Hannah John-Kamen viverá a Fantasma e Randall Park será o Agente Jimmy Woo.

Judy Greer está com seu retorno confirmado. Na adaptação dos quadrinhos, Greer interpreta Maggie, a ex-esposa de Scott Lang e mãe da garotinha Cassie.

A direção é de Peyton Reed, com roteiro de Paul Rudd e Adam McKay.

A estreia de ‘Homem-Formiga e Vespa‘ está marcada para 5 de julho de 2018.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » https://goo.gl/mPcJ5c

Em entrevista ao HeroicHollywood, Kevin Feige falou sobre o subtítulo de ‘Vingadores 4‘ – que tem gerado várias especulações.

Ele afirmou que o subtítulo não será ‘Manopla do Infinito‘, conforme alguns sites estão afirmando.

“Todo o frisson em cima do subtítulo fugiu do controle. Será apenas um subtítulo, mas estamos deixando em segredo para não ofuscar Guerra Infinita. Agora todo mundo está especulando qual vai ser. Mas não será Manopla do Infinito. Queríamos chamar de Parte 1 e Parte 2 porque esses dois filmes estão obviamente conectados diretamente.”, afirmou.

[CUIDADO COM SPOILERS]

Apesar de chamarmos o próximo filme dos Vingadores de ‘4’, o tão aguardado último capítulo da Fase 3 do Marvel Studios pode ter tido seu título final descoberto. De acordo com fontes do Screen Rant, ligadas à produção, o título escolhido será ‘Avengers: Endgame’ (em português seria algo como ‘Vingadores: Jogo Final’ ou até mesmo, ‘Vingadores: Fim de Jogo’).

Esse título faz referência à um momento de Guerra Infinita, onde o Doutor Estranho afirma para o Homem de Ferro: “estamos no jogo final agora”.

Vale lembrar que tudo não passa de rumores e nada foi confirmado pela produção.

Vingadores: Guerra Infinita – O Auge do Cinema Entretenimento

Crítica em Vídeo | Vingadores: Guerra Infinita

‘Vingadores 4’ chega aos cinemas em 3 de Maio de 2019. A direção será de Joe e Anthony Russo.

 

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » https://goo.gl/mPcJ5c

Vingadores – Guerra Infinita‘ já está nos cinemas e muitos fãs estão se perguntando sobre o paradeiro de Valquíria após os eventos de ‘Thor – Ragnarok’.

Será que ela sobreviveu ao ataque de Thanos?

No Twitter, Tessa Thompson fez piada sobre aonde estava sua personagem.

“Eu durante a Guerra Infinita”, postou.

Benedict Cumberbatch será temporariamente substituído em ‘Vingadores – Guerra Infinita’

Vingadores: Guerra Infinita‘ tem no elenco Josh Brolin (Thanos), Robert Downey Jr. (Homem de Ferro), Mark Ruffalo (Hulk), Chris Hemsworth (Thor), Chris Pratt (Starlord), Sebastian Stan (Soldado Invernal), Scarlett Johansson (Viúva Negra), Benedict Cumberbatch (Doutor Estranho), Zoe Saldana (Gamora), Karen Gillan (Nebula), Chris Evans (Capitão América) Tom Holland (Homem-Aranha), Elizabeth Olsen (Feiticeira Escarlate), Bradley Cooper (Rocket), Vin Diesel (Groot), Paul Bettany (Visão), Benedict Wong (Wong), Dave Bautista (Drax), Chadwick Boseman (Pantera Negra), Samuel L. Jackson (Nick Fury) e Benicio Del Toro (Colecionador).

Jeremy Renner odiou sua participação em ‘Os Vingadores’ 

Guerra Infinita‘ arrecadou US$ 640 milhões em seu fim de semana de estreia.

Vingadores 4‘ chega aos cinemas em 3 de Maio de 2019. A direção será de Joe e Anthony Russo.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » https://goo.gl/mPcJ5c